Home» Institucional» Autorregulação

Autorregulação

Autorregulação

Cetip tem papel regulador no cumprimento das normas de mercado

Alinhada com as melhores práticas, a empresa conta com uma área autônoma para verificar operações e negócios cursados em seus sistemas.

Para garantir a aderência às regras de funcionamento dos mercados, a instituição possui uma estrutura independente para a Autorregulação. Com autonomia de gestão, a Diretoria de Autorregulação não se reporta ao presidente da Cetip, mas sim ao Conselho de Autorregulação, composto por membros independentes da empresa.

Alinhada com a Instrução nº 461 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a área é responsável pela supervisão das operações realizadas nos mercados atendidos pela Cetip, bem como pela fiscalização direta e ampla das pessoas autorizadas a operar em seus ambientes. Verifica os registros e as negociações cursadas, assegurando a sua permanente aderência às leis e aos regulamentos vigentes. Também tem como atribuição, instaurar, instruir e conduzir os procedimentos administrativos disciplinares para apurar as infrações das normas que lhe incumbe fiscalizar.

A Cetip mantém, ainda, um sistema que registra e atualiza os parâmetros de monitoramento dos seus mercados, de forma a ressaltar todas as operações que, eventualmente, se afastem dos padrões estabelecidos.

Considerado uma referência em todo o mundo, este modelo é estudado por inúmeros países. A companhia é constantemente procurada por pesquisadores, instituições e órgãos reguladores de diversas nações.

 

Manual de Procedimentos Administrativos Processos Sancionadores Julgados Termos de Compromisso Publicações AutorregulaçãoLinks Relacionados

 

Estrutura Organizacional

ACHOU RELEVANTE ESSE CONTEÚDO? COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS: